Almanaque Alagoas - Vida inteligente na web
DISQUE DENÚNCIA

Notícias

Educação
Autoridades, familiares e amigos de Nadir Rufino participaram da inauguração da Escola Estadual Professora Benedita Maria Rufino das Chagas Coelho, em Murici, no Vale do Mundaú

17 de Maio de 2017

Governador entrega Escola Nadir Rufino

Unidade de ensino já está funcionando em tempo integral em Murici, com capacidade para 1200 alunos

A Escola Estadual Professora Benedita (Nadir) Maria Rufino das Chagas Coelho, em Murici, no Vale do Mundaú, foi inaugurada na manhã desta terça-feira (16). Trata-se da quinta unidade de ensino construída para funcionar em tempo integral em Alagoas. Em todo o Estado, 35 já funcionam nesta modalidade com mais de 10 mil alunos matriculados. A meta é chegar a 50 escolas em tempo integral até 2018.

Ao lado do prefeito de Murici, Olavo Neto, o governador Renan Filho e o secretário de Estado da Educação e vice-governador, Luciano Barbosa, entregaram a unidade de ensino, que representa um investimento de mais R$ 4,5 milhões em recursos próprios do Governo do Estado.

Renan recordou que quando assumiu o Governo, Alagoas não possuía, sequer, uma escola em tempo integral. "Trata-se de um dos programas mais bem-sucedidos do Brasil, porque ocupa a criança na escola e melhora a qualidade do ensino, fazendo com que o aluno, mais tarde, ingresse no mercado de trabalho mais qualificado", avaliou o governador.

Para que as escolas em tempo integral funcionem plenamente, Renan Filho anunciou que lançará, dentro de três meses, edital para o concurso público da Educação com a disponibilização de 800 vagas para professor, 300 delas com dedicação exclusiva.

"Teremos em Alagoas concurso público para a Defensoria Pública, para a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros, Educação e para auditor da Controladoria Geral do Estado, que será carreira de Estado e não mais cargo em comissão", afirmou o governador, lembrando que Alagoas ocupa o primeiro lugar no ranking nacional da Transparência da Controladoria Geral da União (CGU).

Em Murici, a Escola Estadual de Ensino Integral Professora Benedita Maria Rufino das Chagas Coelho beneficiará famílias do bairro Olavo Calheiros, residencial destinado às vítimas da enchente que atingiu o município e todo o Vale do Mundaú no ano de 2010. A unidade de ensino tem capacidade para atender cerca de 1.200 estudantes.

Trata-se da primeira escola em tempo integral de Murici, município que completa, nesta terça-feira, 125 anos de emancipação política. A unidade conta com doze salas de aula, biblioteca, laboratórios de informática e de química, sala de leitura, salas administrativas, recreio coberto, banheiros, além de quadra poliesportiva, vestiários e campo society.

"A única oportunidade para que as pessoas das classes mais vulneráveis possuam capacidade para se desenvolver é através do caminho da educação", enfatizou o secretário de Estado da Educação, Luciano Barbosa, destacando a importância do ensino em tempo integral.

"Aqui tudo é novo, inclusive o aprendizado. Passamos o dia todo na escola, estudando e envolvidos em projetos com a comunidade. É melhor do que está na rua, sem fazer nada. Estamos sempre aprendendo coisas novas aqui", afirmou a estudante Amanda Helen, 16 anos, aluna do 2° Ano do Ensino Médio.

A solenidade foi prestigiada pelo ex-prefeito de Murici Remi Calheiros; pelo procurador-geral da Assembleia Legislativa de Alagoas, Diógenes Tenório; pelo desembargador do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), Marcelo Vieira; por vereadores, familiares da professora homenageado, dentre outras autoridades.

Severino Carvalho
Agência Alagoas

Comentários

Fabiano
id5 soluções web Tengu Criação - Tengu :: Tecnologia id5