Almanaque Alagoas - Vida inteligente na web
DETRAN

Notícias

Turismo
Lagoa do Roteiro/Jonathan Lins
Até março e serão feitas operações, abordagens, patrulhamento além de atendimento à população em locais que recebem grande fluxo de pessoas

18 de Dezembro de 2017

Litoral Sul é beneficiado com trabalho da Segurança Pública

Municípios turísticos da região contarão com reforço no policiamento durante alta temporada

De Feliz Deserto a Marechal Deodoro são mais de 100 quilômetros de litoral, com muitas praias, histórias e vivências a serem exploradas. Turisticamente a região é conhecida como Lagoas e Mares do Sul e abrange onze cidades. Por lá, grande parte dos municípios faz do encontro do mar com a lagoa um de seus atrativos naturais e turísticos.

Conhecer e desfrutar dos encantos da região se torna ainda mais especial com a garantia de segurança. E o trabalho integrado que vem sendo realizado pelas forças policiais de Alagoas tem proporcionado momentos de mais tranquilidade a turistas, empresários e moradores.

Turismo com segurança/ Fotos: Ascom/Sedetur)

Na Barra de São Miguel, por exemplo, não foram registrados roubos a estabelecimentos comerciais em 2017, conforme dados Núcleo de Estatística e Análise Criminal (Neac), da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP). Também houve redução no número roubo de motocicleta. Em Coruripe a redução foi de 15,38% e na Barra de São Miguel de 37,50%.

Quem anda de van de transporte complementar e ônibus intermunicipal com destino às cidades do Litoral Sul também vêm sendo beneficiada com a redução dessa modalidade criminosa. Nenhum roubo foi registrado pela SSP este ano em Coruripe. Na Barra de São Miguel houve o registro de apenas uma ocorrência.

Assim como no Litoral Norte, os municípios turísticos do Sul do Estado receberão policiamento especial até março e serão feitas operações, abordagens, patrulhamento além de atendimento à população em locais que recebem grande fluxo de pessoas.

Turismo com segurança/ Fotos: Ascom/Sedetur)

O delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira, disse que haverá um esquema especial durante a alta temporada. Equipes da Asfixia irão atuar na Barra de São Miguel e, aos fins de semana, a Delegacia de Polícia do município irá registrar Boletins de Ocorrência (BO) e Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO).

Na delegacia, equipes do Grupo Especial de Apoio à Investigação (GEAI) vão reforçar o trabalho para agilizar os serviços. Já o Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre) irá atuar na praia do Gunga.

A Polícia Militar também montou um esquema especial de policiamento para as cidades turísticas. Equipes da Força Tarefa, Cavalaria, Batalhões de Radiopatrulha, Rodoviário, Escolar, Ambiental e de Operações Especiais (Bope), além da 3ª e 5ª Companhias Independentes, estarão atuando na região.

O comandante da 5ª Companhia, sediada em Marechal Deodoro, Capitão Queiroz, destacou a importância das ações na região para combater a prática de crimes e garantir a segurança de moradores e turistas.

“Teremos um apoio importante de equipes para reforçar o policiamento na Barra de São Miguel, no Francês, Ilha de Santa Rita e Massagueira. O BPA também será importante, pois dará apoio no patrulhamento pela Lagoa Mundaú”, disse.

Turismo com segurança/ Fotos: Ascom/Sedetur)

De Alagoas para o mundo

“Não há quem não morra de amores pelo meu lugar”, já cantava Eliezer Setton, ao declarar seu amor por Alagoas. Os cenários paradisíacos do Litoral Sul têm sido ingredientes importantes para o crescimento do setor. Em toda a região são 177 hotéis e pousadas, resultando em uma quantidade de leitos de, aproximadamente, cinco mil unidades.

Esse número irá aumentar, tendo em vista a construção de um novo hotel, o complexo turístico Dunas de Marapé, no município de Jequiá da Praia. Com um investimento de R$ 17 milhões, o novo empreendimento trará mais 225 leitos para a região.

Atualmente, esta é uma das regiões que mais recebem turistas no Estado, por ter destinos consolidados nacional e internacionalmente, como é o caso da praia do Francês, em Marechal Deodoro, as praias da cidade de Barra de São Miguel e do Gunga, que fica em uma fazenda de coqueiros pertencente ao município de Roteiro.

A região ainda se destaca no segmento do turismo de luxo, com hotéis e pousadas que propiciam serviços exclusivos com alta gastronomia, acomodações luxuosas e intimistas, características do segmento. Esta atividade tem ganhado repercussão nacional e internacional, atraindo celebridades e pessoas de alto poder aquisitivo para destinos como Barra de São Miguel e Roteiro.

Os atrativos do turismo de luxo na região Sul do Estado foram pauta em reportagem especial da revista de bordo da companhia área Gol no mês de novembro. A mídia, espontânea se deu devido à articulação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) e poupou mais de R$ 800 mil aos cofres públicos.

Djacyr Pereira Neto, presidente da Associação das Empresas da Barra de São Miguel (Aembar), comemorou os investimentos na Segurança Pública em Alagoas, afirmando que muitas ações tiveram reflexos positivos no setor de turismo.

“Senti uma evolução do Estado inteiro na melhora dos índices de violência, assim como na Barra de São Miguel. As operações ocorrem todo ano e a segurança é um diferencial que atrai turistas para o destino que não possui altas taxas de criminalidade”, disse.

O secretário de Turismo, Indústria e Comércio de Jequiá da Praia, Luiz César Soares Teixeira Junior, disse que os investimentos em segurança também beneficiam os empresários e dá outra visão aos investidores.

“As melhorias são visíveis. Em qualquer lugar, a Segurança deve andar lado a lado com o Turismo, pois, nos lugares onde os turistas não se sentem seguros a probabilidade de não retornarem ao destino é imensa”, completou.

O secretário Executivo de Políticas da Segurança Pública, Manoel Acácio Júnior, reconhece a importância das ações de segurança para o setor de Turismo e recentemente, durante audiência pública para discutir segurança pública em Coruripe, reafirmou o compromisso de promover a tranquilidade da população e de turistas, além de confirmar para 2018 a construção de um Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) na cidade.

“O município passará a ter quatro viaturas para a PM e duas para a PC, além de contar com um incremento de 24 policiais. Sabemos da carência de efetivo na região e estamos sempre de portas abertas para ouvir os pleitos da sociedade”, disse.

Vanessa Siqueira e Thiago Tarelli

Comentários

Fabiano
id5 soluções web Tengu Criação - Tengu :: Tecnologia id5