Almanaque Alagoas - Vida inteligente na web
Alagoas

Notícias

Nordeste
Elisa Elsie/Consórcio Nordeste
Em Roma, governadores discutiram novos financiamentos do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola

21 de Novembro de 2019

Na Itália, Alagoas debate redução da desigualdade

Junto aos governadores nordestinos, Renan Filho se reuniu com Ministério das Relações Exteriores e com o FIDA, onde tratou de projeto de acesso à água

No terceiro dia da missão do Consórcio Nordeste à Europa, onde governadores dos nove Estados buscam investimentos para áreas comuns à região, Alagoas já contabiliza importantes conquistas. Além de captar o voo que ligará Maceió a Portugal pela companhia aérea TAP e a instalação de uma unidade da rede de hotéis Vila Galé, que investirá R$ 120 milhões em Alagoas, o governador Renan Filho discutiu, nesta quarta-feira (20), a ampliação das relações com a Itália em áreas estratégicas para o estado e novos financiamentos do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA).

Em Roma, os governadores foram recebidos pela diretoria do FIDA, agência especializada das Nações Unidas (ONU), que apresentou um projeto de acesso à água para comunidades rurais em desenvolvimento junto ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para os estados brasileiros.

“Tivemos uma reunião muito produtiva para encontramos novos caminhos para financiar projetos importantes, sobretudo capazes de reduzir desigualdade e pobreza, levando água ao homem do campo. O FIDA entende como muito importante trabalhar para a chegada de água para consumo humano e inclusão produtiva, a fim de induzir o desenvolvimento econômico do Nordeste”, disse Renan Filho.

O governador afirmou que Alagoas está capacitada a ampliar os financiamentos do Fundo. “Já temos recursos do FIDA e estamos ampliando as possibilidades de financiamento. Sem dúvida, seremos prioridade, dado às obras avançadas do Canal do Sertão e a boa relação do Estado com o BNDES”, explicou Renan Filho, informando que solicitará audiência com o presidente do banco, Gustavo Montezano, para tratar do assunto.

A agenda desta quarta-feira em Roma também incluiu reunião com o Ministério de Relações Exteriores da Itália, onde a comitiva tratou da ampliação das relações bilaterais entre o país europeu e os Estados nordestinos com a vice-ministra de negócios estrangeiros e cooperação internacional, Marina Sereni. Os governadores defenderam o intercâmbio cultural e econômico, a ampliação do comércio e a cooperação para o avanço educacional, da ciência, da tecnologia e da inovação.

Renan Filho apresentou as cadeias produtivas da cerâmica, da química e do plástico, e do turismo como fortes potenciais de captação de negócios italianos para o estado: “Sugeri que priorizássemos, no caso alagoano, alguns segmentos importantes da indústria, como a cadeia produtiva da cerâmica, onde a Itália é exemplo internacional. Nós nos colocamos à disposição para mostrar que temos gás natural barato e boas jazidas para a produção de pisos e cerâmicas”.

“Apresentamos também a cadeia produtiva da química e do plástico, onde Alagoas tem forte diferencial competitivo, e a indústria limpa que é o turismo. Propus aumentar a quantidade de turistas estrangeiros que chega ao Brasil, o que é uma política nacional, mas que depende também do trabalho dos estados”, explicou o governador.

Negócios captados para Alagoas

Além do anúncio do primeiro voo que ligará Alagoas ao continente europeu, tido como divisor de águas para o segmento do turismo no estado, a rede internacional de hotéis Vila Galé anunciou, essa semana, a instalação de um hotel na Barra de Santo Antonio, Litoral Norte de Alagoas.

“A vinda do hotel é muito importante para gerar emprego, promover desenvolvimento e apresentar para a Europa que nós estamos preparados para cada vez receber mais investimentos, já que esse é o primeiro grupo internacional de grande porte que chega ao nosso estado, com um investimento superior a R$ 100 milhões”, afirmou Renan Filho.

A comitiva de governadores nordestinos segue a agenda em Roma e em Berlim, na Alemanha, até a próxima sexta-feira (22), onde estão apresentando a empresários e setores econômicos e governamentais o funcionamento do Consórcio Nordeste e um mapa de oportunidades da região, inclusive com a perspectiva de abertura de parcerias público-privadas (PPP).

Luciana Buarque
Agência Alagoas

Comentários

Fabiano
id5 soluções web Tengu Criação - Tengu :: Tecnologia id5