Almanaque Alagoas - Vida inteligente na web
GROTAS

Notícias

Economia
Arquivo
Alagoas registrou o maior aumento percentual do país no setor de serviços no comparativo entre julho e junho deste ano

13 de Setembro de 2020

Alagoas registra maior alta do País no setor de serviços

Enquanto o volume de serviços no Brasil cresceu 2,6% neste período, no estado o aumento foi de 9,5%, segundo pesquisa do IBGE

Entre os 26 estados e o Distrito Federal, Alagoas registrou o maior aumento percentual do país no setor de serviços no comparativo entre julho e junho deste ano. Enquanto o volume de serviços no estado cresceu 3,6% entre maio e junho, entre junho e julho o aumento foi de 9,5%.

Os dados foram divulgados na sexta-feira (11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e apontam a segunda alta consecutiva do estado.

O setor compreende as atividades de ramos variados, como transportes, alimentação, alojamento, tecnologia, serviços técnico-administrativos, entre outros.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, destaca que o crescimento em números percentuais foi significativamente maior que a média do país. “Essa é uma prova real, em números, de que a nossa economia já dá sinais claros de retomada econômica concreta.

No Brasil, neste mesmo período, o setor de serviços – que representa aproximadamente 70% do PIB do país – teve um crescimento de 2,6%, o que mostra uma diferença muito positiva para Alagoas em detrimento do restante do país”, disse.

“Mais uma vez comprovamos que estamos no caminho certo de uma saída rápida e definitiva desta crise que abalou o mundo, ao passo em que promovemos o desenvolvimento econômico e geramos oportunidade para a população alagoana”, destacou Brito.

Na sequência, apresentaram aumento Roraima (8,2%), Distrito Federal (5,2%), Pernambuco (4,6%) e Tocantins (4,4%). No Nordeste, além de Alagoas e Pernambuco, os estados de Sergipe (3,3%) e Paraíba (2,3%) também apresentaram variação positiva.

O Maranhão se manteve estável e Ceará (-2,5%), Rio Grande do Norte (-1,3%), Bahia (-0,9%) e Piauí (0,8%) apresentaram queda no setor de serviços.

Texto de Agência Alagoas

Comentários

Fabiano
id5 soluções web Tengu Criação - Tengu :: Tecnologia id5